PUBLICIDADE
POLÍTICA

Alckmin diz que hipótese de ser vice de Lula ‘caminha’, após ouvir apelo de centrais sindicais

Publicado por
Compartilhado
PUBLICIDADE

O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB), cotado para participar da chapa eleitoral com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), ouviu um apelo dos dirigentes de centrais sindicais para aceitar o convite de vice.

Alckmin está saindo do partido tucano, que lançou a candidatura do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), no último sábado (27). 

Ao escutar o pedido dos sindicalistas, Alckmin disse estar se preparando para concorrer ao governo do estado, mas afirmou que “surgiu a hipótese federal”. 

“Preparei-me novamente para ser governador do estado. Surgiu a hipótese federal. Os desafios são grandes. Essa hipótese caminha e eu considero essa reunião com as quatro principais centrais históricas”, disse. 

A reunião ocorreu com representantes de quatro das seis maiores centrais sindicais: Força Sindical (ligada ao partido Solidariedade), Nova Central, UGT (cujo presidente é filiado ao PSD) e CTB (próxima do PCdoB).

Os presidentes das três primeiras pediram explicitamente que Alckmin aceitasse ser vice de Lula, enquanto a CTB defendeu a formação de uma “frente ampla” contra a reeleição do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

PUBLICIDADE
Halysoh Macêdo

Administrador e criador do portal de notícias, PODER AO POVO. Contra as fakes news.

Deixe um comentário
PUBLICIDADE