PUBLICIDADE
NOTÍCIAS

Às vésperas do Enem, servidores do Inep denunciam tentativa de interferência no conteúdo da prova

Publicado por
Compartilhado

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) acontece nos dois próximos domingos, 21 e 28 de novembro. Às vésperas do exame, servidores do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo Enem, denunciaram tentativas de censura no conteúdo da prova.

O órgão sofreu uma debandada, com mais de 30 pedidos de demissão por parte dos funcionários do Inep. Ao Fantástico, da TV Globo, 37 servidores relataram que sofreram intimidações, além de acusarem o presidente do Inep de estar despreparado para a função.

Principal porta de entrada para universidades federais, o Enem tem 180 questões, 90 por dia de exame. Todas as perguntas fazem parte do Banco Nacional de Itens, sistema no qual há milhares de questões, elaboradas por professores, selecionados por edital.

Ao Fantástico, um servidor alegou que há uma pressão “insuportável” dentro do Inep. “Grande erro é achar que você pode simplesmente pegar uma prova e sair riscando itens que você não gosta do conteúdo deles”, declarou. Outros ex-funcionários do órgão relataram que foram obrigados a refazer a prova duas vezes e classificaram o comportamento do governo como “assédio moral”.

Falta de segurança

Servidores explicaram que a prova é feita em um chamado “ambiente seguro”. Recentemente, um policial federal entrou no local.

“Eles têm níveis de segurança. Você tem que passar por um daqueles scanners de corpo. Qualquer objeto de metal que estiver com você vai ser detectado. E você não pode entrar com ele. As portas são altamente seguras. A montagem da prova, você faz em um nível de segurança, todo cercado de câmeras. Não tem nenhum ponto cego dentro desse ambiente”, relatou um ex-funcionário em entrevista à TV Globo.

A entrada do servidor foi em 2 de setembro, quando o Enem estava em fase final de elaboração. “O Inep precisa explicar como essa pessoa foi parar lá dentro, quem autorizou a entrada, o que ele fez, que nível de controle a gente tem das informações que ele acessou lá”, afirma.

Para outro servidor, a única explicação seria a tentativa de intimidar os funcionários do órgão responsável pelo Enem.

Tentativa de censura

Outro ponto denunciado pelos servidores do Inep é a tentativa de censurar questões que faziam parte do exame. Eles relatam que Danilo Dupas, escolhido pelo presidente do Inep para fazer a avaliação, foi até o ambiente seguro e leu a prova montada pela equipe técnica.

“Fez a leitura das questões que essa equipe técnica havia montado, essa primeira prova do Enem, e solicitou a exclusão de mais de duas dezenas de questões dessa primeira versão da prova”, as questões, segundo o servidor, diziam respeito à temáticas sociopolíticas e socioeconômicas do Brasil. “Eram questões que tratavam principalmente da história recente do país, dos últimos 50 anos. Sob o ponto de vista da equipe técnica, não havia qualquer reparo pedagógico a ser feito na primeira versão da prova.”

A prova teve de ser refeita e já está na terceira versão. O exame acontecerá nos dias 21 e 28 de novembro.

PUBLICIDADE
Halysoh Macêdo

Administrador e criador do portal de notícias, PODER AO POVO. Contra as fakes news.

Deixe um comentário

Postagens recentes

Senado aprova Auxílio Brasil, programa social que substitui o Bolsa Família

Em votação simbólica, o Plenário aprovou a Medida Provisória (MP 1.061/2021) que cria o Auxílio…

6 horas atrás

Auxílio Brasil de 400$ vai ser pago para os inscritos do Auxílio Emergencial?

Com o encerramento do Auxílio Emergencial, milhares de famílias ficaram desamparadas em um momento de…

6 horas atrás

‘Novo Lázaro’ matou taxista em 2020, mas foi solto em MG

Apelidado de “Novo Lazáro” em alusão ao assassino em série morto em junho deste ano, o caseiro Wanderson…

8 horas atrás

Senado aprova Auxílio Brasil e retoma brecha para fila de espera

Por articulação do governo, o Senado alterou a proposta que cria o Auxílio Brasil e retomou a brecha para…

9 horas atrás

APÓS LIONEL MESSI GANHAR A SÉTIMA BOLA DE OURO, CRISTIANO RONALDO CRITICA PRÊMIO

Messi entrou para a história do futebol como melhor jogador do mundo, e totalizou 7…

17 horas atrás

URGENTE: PREFEITURA DE SÃO PAULO CANCELA FESTAS DE RÉVEILLON

A prefeitura de São Paulo cancelou as festas de réveillon e manteve na cidade o…

17 horas atrás