Publicidade
Saúde e Bem-Estar

ANSIEDADE E DEPRESSÃO: QUAL A DIFERENÇA?

Vivemos em uma sociedade extremamente ansiosa, onde é mais comum viver com um pé a frente e outro atrás, do que os dois no presente. A ansiedade e depressão estão muito presentes na atualidade e, infelizmente, muitas vidas estão sendo destruídas.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 300 milhões de pessoas sofrem de ansiedade e depressão, só no Brasil tem cerca de 11,5 milhões de pessoas e vale ressaltar que, a grande maioria desse número, está entre os jovens.

ANSIEDADE E DEPRESSÃO

Ao contrário do que muita gente acredita, a ansiedade e depressão são doenças distintas. óbvio que uma pessoa ansiosa, ao longo do tempo, pode sim desenvolver uma depressão. Porém, elas não são a mesma coisa.

Os sintomas são parecidos, as causas também. Em geral, ansiedade e depressão são condições que exigem tratamento a longo prazo e merecem atenção adequada.

O QUE É ANSIEDADE?

No geral e de forma direta, a ansiedade é o medo do futuro. Sabe aquela angustia que surge junto com as preocupações de: Será se vai dá certo? Como Será? O que vai acontecer?

Aquele friozinho na barriga que dá na hora de encontrar alguém que te atrai? Ou o medo de tirar nota baixa antes de uma prova? Isso é ansiedade.

Esse sentimento todo mundo tem, porém ele vira um grande problema quando se torna frequente e incontrolável, o que acaba prejudicando tanto a saúde mental como o funcionamento do corpo.

Nesses casos, os médicos classificam esse tipo de ansiedade turbinada como um transtorno de saúde mental. Geralmente, ele se manifesta pelos seguintes sintomas:

  • Preocupações, tensões ou medos exagerados, sem a capacidade de relaxar;
  • Sensação contínua de que algo ruim vai acontecer;
  • Medo extremo de algum objeto ou situação;
  • Medo exagerado de ser humilhado publicamente;
  • Falta de controle sobre os pensamentos ou atitudes;
  • Pavor depois de uma situação muito difícil.

O QUE É DEPRESSÃO?

A depressão ao contrário da ansiedade, na verdade, trata-se do fardo trazido do passado. As mágoas, os impactos emocionais negativos, os medos, o sentimento de culpa.

Geralmente está ligada as experiências vividas que não trazem boas recordações. Os sintomas mais comuns são:

  • Presença constante de pensamentos negativos;
  • Sentimentos de culpa;
  • Sensação de inutilidade;
  • Baixa auto-estima;
  • Tristeza;
  • Diminuição do prazer e do ânimo para atividades cotidianas.

COMO SE CURAR DA ANSIEDADE E DEPRESSÃO?

Antes de mais nada, admitir que não está bem e precisa de ajuda, é o primeiro passo. Medicamentos, conselhos, conversas de nada adianta se a pessoa não se abrir para se curar verdadeiramente da ansiedade ou da depressão.

Como explicado acima, embora pareçam essas doenças não são iguais, cada uma delas têm suas causas. Diante disso, é importante entender com qual das duas está lidando. Se for ansiedade, uma dica muito eficaz é começar a praticar exercícios físicos, ele ajuda tanto a saúde física quanto mental.

Ler, meditar e entender que é necessário viver um dia de cada vez, são simples coisas de grande importância para o tratamento. Comidas saudáveis, músicas saudáveis e fazer coisas que gosta também pode ajudar.

Se o caso for depressão, antes de mais nada, procure no fundo do seu ser o que de fato está transmitindo esses sentimentos negativos. Qual a experiência vivida na sua vida que te fez tão mal, que hoje você vive nesse abismo?

Após descobrir, procure curá-la. Se for mágoa ou rancor, procure perdoar. O perdão é libertador e, na verdade, a mágoa só faz mal para quem a sente. A prática da Yoga, trabalhar o auto conhecimento, ter uma vida mais social pode contar positivamente nesse processo.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Botão Voltar ao topo