Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS

O Guia Completo sobre o Sal-Gema: Origem, Usos e Benefícios

O sal-gema, também conhecido como sal de rocha, é um dos minerais mais amplamente utilizados pela humanidade. Sua história remonta a séculos, sendo uma substância essencial na culinária, na indústria e em muitos outros aspectos da vida diária.

O que é o Sal-Gema?

O sal-gema é uma forma de cloreto de sódio. Ele se forma através da evaporação de antigos oceanos e mares, resultando em depósitos de sal sob a terra. É conhecido por sua cor branca translúcida e sua composição química pura.

Origem e Extração

Sua origem remonta a milhões de anos, quando a evaporação da água do mar deixou para trás depósitos de sal em camadas subterrâneas. A mineração é a principal forma de extração, com a perfuração de depósitos profundos para recuperar o sal-gema.

Usos Diversificados

1. Indústria Química: O sal-gema é fundamental na produção de produtos químicos como cloro, soda cáustica e ácido clorídrico, essenciais para várias indústrias.

2. Culinária: É um ingrediente essencial em praticamente todas as cozinhas do mundo, realçando o sabor dos alimentos.

3. Descongelamento de Estradas: Utilizado em regiões de clima frio para derreter gelo e neve das estradas.

Benefícios para a Saúde

O sal-gema, quando consumido com moderação, desempenha um papel crucial no equilíbrio eletrolítico do corpo.

Curiosidades

O sal-gema é frequentemente encontrado em forma de cristais, o que o torna um mineral esteticamente atraente.

  • Alguns depósitos de sal-gema são tão antigos que datam de milhões de anos.

O sal-gema desempenha um papel integral em várias indústrias e na vida cotidiana. Sua história e usos diversificados o tornam um recurso valioso em muitos aspectos da sociedade moderna.

Para saber mais sobre o sal-gema e suas aplicações, continue explorando sua importância e os métodos inovadores de utilização desse mineral milenar.

SAL-GEMA E MACEIÓ

Em Maceió, a exploração das minas teve início em 1976 pela empresa Salgema Indústrias Químicas, que logo foi estatizada e mais tarde novamente privatizada.

Por causa dos tremores de terra e o afundamento dos bairros que começou em 2018, essas cavernas estavam sendo fechadas desde 2019. Nesta época, o Serviço Geológico do Brasil (SGB) confirmou que a atividade realizada havia provocado o fenômeno de afundamento do solo na região. Isso obrigou a interdição de uma série de bairros da capital.

Em julho de 2023, a prefeitura da cidade fechou um acordo com a empresa.

Leh Oliveira

Escritora e mentora do Meditação20.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Botão Voltar ao topo